Projetos Cursos e Eventos Pesquisas e Publicações Redes e Parcerias

Canal de Videos


Campanhas

 

 

Redes Sociais

Acompanhe-nos no Facebook:

 

facebook Perfil Institucional

 

facebook Taramandahy - Fase II

 

09/06/2015

Projeto Taramandahy - FASE II

Voluntários de defesa civil recebem instruções em leitura de cartas topográficas e orientação

Passear por uma região natural pode ser feito de forma segura e orientada se quem estiver guiando, possuir alguns conhecimentos específicos. Com o objetivo de treinar para a leitura de cartas topográficas, o Projeto Taramandahy – Fase II realizou o quinto módulo da Capacitação em Proteção e Defesa Civil - Leitura de Cartas Topográficas e Orientação. Segundo Vicente Wolff, instrutor e bombeiro voluntário do Grupo Voluntário de Busca e Salvamento e Núcleo Comunitário de Defesa Civil de Maquiné (GVBS/NUDEC), esta instrução mostra como fazer a leitura, com facilidade e maior precisão, das cartas que são utilizadas pelo exército, bombeiros, agentes ambientais de órgãos públicos, polícia militar e resgatistas profissionais.


A capacitação aconteceu no dia 30 de maio no Centro de Referência Ambiental, futura base do Projeto, reunindo mais de vinte participantes, entre comunidade local, bombeiros e agentes voluntários de Maquiné, municípios vizinhos e Região Metropolitana e Porto Alegre. Contou ainda com a participação dos bombeiros voluntários da Brigada de Busca e Salvamento de Gravataí (BBSG), com treze anos de história de resgate e socorro na Rodovia RS 030 e em áreas remotas no Rio Grande do Sul.


Para início de conversa, o coordenador do projeto, ecólogo Dilton de Castro, explicou que esta ação se insere no contexto da gestão integrada dos recursos hídricos, realizada pelo Projeto Taramandahy – Fase II, patrocinado pela Petrobras, através do Programa Petrobras Socioambiental, que assim apoia iniciativas de qualificação de voluntários em noções básicas de busca e resgate em caso de acidentes e catástrofes naturais.  Castro relatou ainda que as capacitações em defesa civil vêm sendo idealizadas desde 2006, na ocasião das oficinas de formação de condutores locais de ecoturismo, do então Projeto de Desenvolvimento Ecoturístico de Maquiné (2006-2009), da Anama. E que desde a sua primeira fase, o Projeto Taramandahy vem apoiando o GVBS/NUDEC - Maquiné, na sua estruturação, realização de cursos e aquisição de equipamentos.


Pela manhã, Wolff distribuiu apostilas e cópias da carta topográfica de Maquiné aos participantes que, divididos em grupos, treinaram com os equipamentos de orientação: mapas, bússolas, GPS, réguas, escalímetro e cartas topográficas. Esta última é definida por representar em escala, de forma plana, os acidentes naturais e artificiais, mostrando suas posições horizontal e vertical. À tarde, o grupo conheceu a sala de equipamentos de busca e salvamento do GVBS/NUDEC, cedida pela Associação Santo André Avelino e realizaram atividades práticas nas ruas do Centro da cidade.

 

A Capacitação em Proteção e Defesa Civil contará com mais módulos de atividades em 2015, promovidos pelo Projeto Taramandahy – Fase II, com patrocínio da Petrobras, através do Programa Petrobras Socioambiental.

 

 

::VEJA A GALERIA DE FOTOS COMPLETA

 

 

Anaiara Ventura - Assessoria de Imprensa

Jornalista MTB/RS: 15155

 

 


 

 

:: VOLTAR PARA LISTA GERAL DE NOTÍCIAS

 

Ong ANAMA - RS - BRASIL| Todos os direitos reservados
   

Quem Somos

Área de Atuação
Onde Estamos
Equipe de Trabalho
Prêmios e Reconhecimentos

A Mata Atlântica

Localização
Ecossistemas
Relevância
Importância de Maquiné

Galeria de Fotos
Notícias
Contato
Mapa do Site
 

Ong Anama

 

contato@onganama.org.br
         

Criação e desenvolvimento: STA Studio | Hospedado por Median Host