Projetos Cursos e Eventos Pesquisas e Publicações Redes e Parcerias

Canal de Videos


Campanhas

 

 

Redes Sociais

Acompanhe-nos no Facebook:

 

facebook Perfil Institucional

 

facebook Taramandahy - Fase II

 

22/06/2012

PROGRAMA PETROBRAS AMBIENTAL

Projeto Rio Maquiné apresenta resultados à comunidade

O projeto Recuperação do Rio Maquiné, realizado pela Ação Nascente Maquiné - ANAMA, com patrocínio da Petrobras, através do Programa Petrobras Ambiental, promoveu o II Seminário Municipal de Recuperação de Áreas Degradadas.  O coordenador geral do projeto, ecólogo Dilton de Castro, apresentou as ações e os resultados do trabalho desenvolvido em Maquiné, durante dois anos e meio. O evento final do projeto aconteceu dia 6 de junho, na Câmara Municipal.

 

O projeto surgiu após as grandes enchentes de 2007 e 2008 que trouxeram destruição e prejuízos ao município, como erosão das margens em diversos trechos. Desta forma, com o objetivo principal de recuperar áreas degradadas na sub-bacia do Rio Maquiné e executar ações preventivas para desastres ambientais, o projeto concluiu, em 2012, diversas metas. Entre elas estão a produção de mudas nativas, reflorestamento da mata ciliar, com o plantio de 25 mil mudas, proteção e recuperação do leito do rio numa extensão de 2 km, curso e oficinas sobre criação de abelhas nativas, com distribuição de 30 caixas com enxames de abelhas sem ferrão aos participantes, atividades de educação ambiental em escolas públicas, envolvendo 800 estudantes, além de produção de material informativo e de divulgação.

Dilton de Castro mostrou as intervenções que foram realizadas no rio, no trecho entre a ponte dos Fagundes e a ponte pênsil da Gruta. O grande acúmulo de pedras, que impedia a água de passar livremente, foi retirado para a construção dos taludes de contenção das margens. Foram mexidos 20 mil metros cúbicos e retirados 11 mil metros cúbicos de pedras pelos caminhões da Prefeitura, para serem utilizados na melhoria das vias públicas. “Esse trabalho minimiza a ação do rio, mas vai precisar de manutenção periódica”, explica Dilton. Ao todo foram 600 horas de escavadeira hidráulica e 200 horas de trator de esteira, além dos caminhões da Prefeitura, para a recuperação do leito e margens.

Os agricultores participaram do debate, com depoimentos sobre o trabalho realizado pela ANAMA. Como declararam Adael e Otomar que gostariam que o projeto continuasse, “pois é um trabalho que ajuda muito a nossa comunidade”. Inclusive, a presidente da Câmara, Márcia Beriva, pediu ao gestor da Petrobras que a empresa continue a apoiar os projetos da ANAMA.

Segundo o gestor da Petrobras, Luiz Flavio Magalhães, o projeto não termina alí. “Ele continua com a conscientização da comunidade em dar seguimento à preservação”.

 

Também esteve presente o vice-prefeito, Ronaldo Rech, que parabenizou o trabalho “essencial ao município”, e autoridades como o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Maquiné, Vilmar Luis Machado e o diretor da escola Langendonck, Luciano Guterres.

 

O projeto foi realizado em parceria com a prefeitura de Maquiné, UFRGS, FEPAGRO, SEMA, FEPAM, Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Tramandaí, a Associação Papa-mel de Rolante, as escolas estaduais de Maquiné, a escola técnica agrícola de Osório e Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Maquiné.

 

Assessoria de Comunicação ANAMA
Prisma Comunicação

Simone Moro – MTB 12.561

 

 

 

 

:: VOLTAR PARA LISTA GERAL DE NOTÍCIAS

 

Ong ANAMA - RS - BRASIL| Todos os direitos reservados
   

Quem Somos

Área de Atuação
Onde Estamos
Equipe de Trabalho
Prêmios e Reconhecimentos

A Mata Atlântica

Localização
Ecossistemas
Relevância
Importância de Maquiné

Galeria de Fotos
Notícias
Contato
Mapa do Site
 

Ong Anama

 

contato@onganama.org.br
         

Criação e desenvolvimento: STA Studio | Hospedado por Median Host